sábado, 16 de junho de 2012

Lugares Inspiradores Para Namorar

Nesta semana de dia dos namorados andei inspirada em pesquisar sobre lugares românticos. Não que fosse viajar no momento, mas como nesta época aparecem muitas ofertas de viagens para lugares diversos, acabei me interessando sobre o assunto. Nesta pesquisa, dois lugares me chamaram atenção e estudei a fundo sobre eles, a fim de que um dia possa checar de perto.

E não é que encontrei um lugar que já foi muito falado e que ainda deve ser curioso para muitos (pra mim pelo menos é...). É o famoso Grand Hotel, onde foi rodado o filme Em Algum Lugar do Passado. Lembram? Se não, dêem um olhadinha na foto.




As instalações do hotel são bem luxuosas mas tudo bem a moda antiga.













Não costuma ser um lugar de turismo comum porque é um destino bem fora de mão além de caro. Neste caso acho que o desafio aí é mais chegar lá do que pagar! O hotel fica num lugar fora da rota que a maioria faz quando passeia pelos EUA. Ele fica numa pequena ilha nos Grandes Lagos, quase na divisa dos Estados Unidos com o Canada. É logico, que em se tratando de território americano, dá para se chegar lá facilmente de avião, só tem que encarar algumas escalas, repare como fica longe das grandes capitais. 




Agora, se o objetivo é fazer uma viajem com intuito de se isolar em um lugar diferente, lá é o ideal. Na ilha, que fica o hotel, não entram carros e nenhum tipo de veículo a motor. Pode-se alugar bicicleta, andar em cavalos ou carruagens, e tomar barcos. Mas pelo o que entendi, gostoso mesmo é caminhar pela ilha. O portal http://www.mackinacisland.org dá detalhes sobre a programação na ilha.

No site do hotel, existem pacotes exclusivos para datas especiais. Dá para ver que é um destino bem requisitado para estes tipos de comemorações românticas. Inclusive se faz muito casamento lá. 

Pra dizer a verdade o lugar parece ser incrível mas como achei um pouco contra-mão, resolvi estender a pesquisa sobre lugares românticos por aqui mesmo. E não é que encontrei uma "versão brasileira" do Grand Hotel! Só não pensem que é mais em conta por que o passeio deve ser até mais caro (sorry), porém mais conveniente (aqui do lado né!).

O hotel daqui é o Saint Andrews, que fica no Vale do Quilombo em Gramado. Também é um pouco isolado, uma hora e meia de carro de Gramado, mas pelo menos está em solo brasileiro. O conceito dele é muito diferente do Grand Hotel, quando disse que era parecido pensei apenas na estética dos dois: os jardins, o tipo de decoração e até mesmo o clima "formal" que os dois tem. Porém, o hotel brasileiro é bem mais intimista (tem apenas 11 suítes) e oferece um super serviço exclusivo ao hóspede, que lhe rende o título de hotel seis estrelas (único no Brasil).





O conceito principal do hotel é tratar os hóspedes como como convidados de honra. A equipe trata cada um dos visitantes de maneira personalizada oferecendo um serviço diferenciado de acordo com as preferências individuais. Assim sendo, os hóspedes tem direito a um mordomo 24 horas, e um chofer disponível a qualquer momento.

Como se não bastasse todo o "mimo", que é o que o hotel oferece de melhor, ele ainda oferece serviços de luxo como tratamentos no SPA, degustação de vinhos, massagens e alta gastronomia.

Como se vê acima o estilo de construção do hotel lembra os suntuosos castelos da Escócia. Aqui abaixo um pouco mais sobre suas instalações.







No caso de Gramado, a curtição é o clima de serra. Aquela sensação boa de estar próximo a natureza mas ao mesmo tempo cercado de conforto. Aqui o frio e até bem vindo, enquanto que no Grand Hotel, por sua proximidade com a água e localidade é melhor escolher uma época quente para ir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget